quarta-feira, 5 de setembro de 2012

A PRÁTICA ENFADONHA DA INVEJA!





“(...) Invejamos os que se sobressaem nas artes, no esporte, na profissão. Esquecemos das horas intermináveis de ensaios para dominar a arte da dramatização, da música, da impostação de voz. Não nos recordamos dos treinamentos exaustivos de bailarinos, jogadores, nem das horas de lazer que foram usadas para estudos cansativos pelos que ocupam altos cargos nas empresas.

O melhor caminho não é a inveja. É a tomada de decisão por estabelecer um objetivo e persegui-lo, até alcançá-lo, se esforçando sem cessar.”

Autor:
Equipe de Redação do Momento Espírita





PONDERANDO: Gosto de refletir sobre a prática enfadonha da inveja, porque entendo que o invejoso é alguém que não atingindo a capacidade de alcançar nossas competências pessoais e profissionais projeta o fel da amargura em nossas trajetórias, vejo que esquece ainda que para se chegar onde estamos constituídos tivemos que fazer uma história que não pode ser negada ou ignorada, travamos batalhas, suportamos as rejeições e o preconceito, driblamos a indiferença e ainda por muitas vezes, com toda a humildade, provamos, setenta vezes sete, que podíamos assumir a missão que o Universo nos ofertou. Assim, que esta reflexão chegue ao coração daqueles que esquecem de todas as nossas trajetórias assumidas como seres humanos que buscam a competência em seus espaços profissionais!