domingo, 27 de outubro de 2013

DAS PIMENTAS E DOS PENSAMENTOS APIMENTADOS!

Realizando alguns estudos descobri que as pimentas são originárias das Américas e foi no tempo do Descobrimento que ela foram introduzidas no resto do mundo. Segundo o que li elas já aparecem a 7.000 a.c. na região do México. Bom, vamos à reflexão que proponho neste texto, ainda se diz que pimenta é o nome comum dado a várias plantas, seus frutos e condimentos deles obtidos, de sabor geralmente picante. PICANTE! Algo picante é algo que EXCITA o paladar, por vezes ouvimos falar: “tempero picante” pode ser quando fomos marcados pelo tempero das pimentas. Acredito que na vida temos que aprender com as pimentas, elas nos oportunizam o calor na boca, a vontade de saborear algo ou de lançar mão, pois bem,  em situações da nossa trajetória vivemos momentos onde a cortesia não atinge a hipocrisia, onde a elegância não dialoga com a estupidez, sozinhas são fracas para tamanhas artimanhas que presenciamos, entra em cena então o que chamo de “cortesia ou elegância apimentada”, é quando temos que ser incisivos, pontuais, claros e objetivos dentro daquilo que nos propomos a dialogar, um sábio diz que pessoas agressivas, espalhafatosas, que acham que podem ganhar “no grito” devem ser combatidas com a cortesia que nasce da pimenta. Aquele que se utiliza da elegância ou cortesia apimentada fica imunizado à roda destas situações, sua clareza em postar aquilo que acredita afasta o barulho daqueles que buscam nos desestabilizar.
Pensamentos apimentados, este é o segredo, cada um pode utilizar-se desta sugestão como julgar pertinente, eu aconselho: tenham todos bons e prósperos pensamentos de cortesia e elegância carregados de muita pimenta.